"Ele está de braços abertos a lhe esperar, Ele está a lhe dizer, que o ama... Jesus te ama!!"

"Ele está de braços abertos a lhe esperar, Ele está a lhe dizer, que o ama...       Jesus te ama!!"

ATENÇÃO

OLÁ AMIGOS, MEU NOME É ANGELA, ESTE É UM TRABALHO INTERDENOMINACIONAL.
SOU EVANGELISTA E PROCURO CUMPRIR ESTA LINDA TAREFA DE LEVAR A PALAVRA DE DEUS ÀS PESSOAS, PARA HONRA E GLÓRIA DO NOME DO SENHOR JESUS.
ESTE BLOG SURGIU PELA SUGESTÃO DE UMA AMIGA, POIS, HAVIA ESCRITO UM LIVRO, E COMO NÃO TIVE A POSSIBILIDADE DE PUBLICÁ-LO, DEPOIS DE 5 ANOS GUARDADO, ELA ME SUGERIU EM 2010, COLOCÁ-LO EM UM BLOG.
FOI O QUE FIZ, O LIVRO É COMPOSTO DE CARTAS, AS QUAIS, IRÃO APARECER EMBAIXO NA TELA, POR SER UM BLOG E NÃO UM SITE.
PARA VISUALIZAR O LIVRO NA ÍNTEGRA, CLIQUE EM 2010.
ALÉM DAS CARTAS, POSTO O QUE EU ESCREVO OU DE OUTROS AUTORES, QUE LEIO E ACHO INTERESSANTE COMPARTILHAR.
QUE DEUS OS ABENÇOE MUITO!!!!!!!!
LEIA E COMPARTILHE!
GRAÇA E PAZ!
COM AMOR EM CRISTO JESUS,
ANGELA

Páginas

Arca de Noé... Arca da Aliança... JESUS ARCA DE AMOR!

Em Mt 24:12 está escrito: "E por se multiplicar a iniquidade, o amor se esfriará de quase todos". Se Deus é amor, e se o amor esfriar, o próprio Deus se esfriará nos corações. Que coisa terrível! Deus se esfriando em nossas vidas! Mas Ele disse de: "quase todos", ou seja haverá aqueles nos quais o amor, não se esfriará. Aleluia! Louvado seja Deus por isto. Então, este Blog, é uma tentativa de barrar este processo, não deixando que este amor se esfrie nunca. Pois, foi por amor que Ele morreu por mim e por ti. E nunca deixaremos de amá-Lo, nem aos Teus filhos. Amém

EXPLICAÇÃO DO TÍTULO

• No tempo do Antigo Testamento, o coração do homem se corrompeu de tal forma que Deus se arrependeu de tê-lo feito, pois este se tornou mau, olhando apenas o que os olhos podiam ver, esquecendo-se do que se passa no interior do ser humano, os sentimentos e virtudes.
E Deus achou em Noé um homem justo e o salvou e também a sua família ordenando-o a construir uma arca.

Chamada de
ARCA DE NOÉ.

• No tempo de Moisés, Deus ordenou que se fizesse uma caixa na qual estariam os Dez Mandamentos dentre outros itens, ela era de madeira de acácia revestida de ouro puro, ficava num lugar chamado Tabernáculo, dentro do Santo dos Santos e só os sacerdotes tinham acesso a ela, uma vez por ano, no Tabernáculo também se sacrificavam cordeiros, bodes, etc, pois, acreditavam que o sangue destes animais os purificava de pecados.

Esta arca se chamava, ARCA DA ALIANÇA.

• Mas, Aleluia! Deus enviou Seu Filho Unigênito para derramar Seu sangue para perdão dos pecados da humanidade inteira, “o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo”, e de uma vez por todas, levou sobre Ele nossos pecados, não havendo mais necessidade de sacrifício de animais, e ao morrer, o véu que separava o Santo dos Santos do Tabernáculo, foi rasgado de alto a baixo, ou seja, isto significa, que o lugar em que se tinha acesso a Deus, uma vez por ano, e só o sacerdote poderia entrar, com o sacrifício de Jesus, todos os seres humanos, podem ter esse acesso à presença Dele, 24 horas por dia, o ano inteiro, como era desde o início da criação, quando o homem tinha plena comunhão e acesso a Deus. Ou seja, Jesus nos resgatou de volta ao nosso Criador. Restaura o coração corrompido pelo pecado e afastado de Deus, nos levando de volta a presença do Pai.

Onde a Arca da Aliança estivesse, aquele lugar era abençoado, pois, ela simbolizava a presença de Deus.
Com a morte e ressurreição de Jesus, ali em Pentecostes, o Espírito Santo foi derramado, sobre as pessoas, nos tornando esse templo (lugar de morada de Deus), e portanto, somos abençoados onde formos, pois, o Espírito Santo de Deus habita em nós.
" Deus nos amou de tal maneira que deu Seu filho Unigênito para que todo aquele que Nele crer não pereça, mas, tenha vida eterna”. (Jo 3:16)
AMOU, foi por amor que Ele nos salvou, por isto, o título:
JESUS, ARCA DE AMOR!

****************************************************************
QUEM SOU EU
Meu nome é Angela, sou casada, tenho dois filhos, sou do estado de Minas Gerais, e, através de um chamado de Deus, trabalhei muitos anos, com pessoas com problemas diversos,
presidiários, etc.
Escrevendo cartas, com base evangelística para várias lugares do Brasil, hoje continuo escrevendo cartas específicas, para cada situação difícil do cotidiano das pessoas, dilemas com drogas, casamentos, depressão, enfermidades, perdas de entes queridos, etc.
Meu plano inicial, era publicar em um livro, as quase 300 páginas que eu havia escrito, mas, não foi possível, pelo alto custo.
Foi então, após estas cartas ficarem guardadas quase 5 anos, resolvi publica-las neste Blog.
O livro foi postado em 2010.
É só clicar lá.
Não recebo recursos financeiros por este trabalho, mas, creio que a recompensa vem do alto.
O que peço é a proteção para minha família, em especial meus filhos, marido...
São palavras, vindas do coração de Deus, pois, foi em lágrimas e lutas, que muitas delas escrevi.
Sou, apenas um instrumento nas mãos do Senhor, para levar a Palavra Dele.
Me formei em Administração (não exerço a profissão) e Teologia, além de estudar a Palavra de Deus, anos a fio, com lutas e provações.

Muitas coisas não coloco só como teoria, pois, várias senti na carne e no espírito, então foi experiência vivida, que Deus me permitiu passar, para ajudar quem estivesse passando pelos mesmos problemas.

O que procuro fazer, é ser fiel nas palavras que Deus coloca em meu coração, e faço o possível, para transmiti-las da forma mais coerente e eficaz possível.

Espero, que este Blog possa te ajudar a passar pelas lutas e dificuldades, possa também, levar a você a alegria e a paz que só Jesus pode dar e saber que por maior que seja a luta, você não está só, tem pessoas que (se você procurar uma igreja) te ajudarão em oração e o Senhor estará contigo para te livrar e te ajudar.

Deus lhe abençoe e saiba que você é muito amado por Deus.
Um grande abraço.
Com amor, em Cristo,
Angela.

Meu e-mail é: amserrap@yahoo.com.br
Dê sua sugestão, opinião, diga o que achou do Blog.
Para mim, é muito importante seu comentário.
Obrigada!







MENSAGENS DE EXORTAÇÃO

01 março, 2015

FAMÍLIA, BEM MAIS PRECIOSO

Amados irmãos, quero compartilhar com vocês,
uns trechos de um livro que eu li do Hernandes Dias Lopes.
Chamado "As teses de satanás".
Mas, antes de entrar propriamente
nas teses do inimigo das nossas almas,
há uns outros trechos que eu achei muito
interessante e mês que vem, se Deus quiser,
colocarei a segunda parte,
que são estas teses, mas,
antes não posso deixar de colocar uns textos,
que julgo muito interessantes,
então colocarei em duas partes, 
os textos abaixo Hernandes fala sobre filhos,
família... 

Que é o que de mais precioso que temos, 
abaixo de Deus.
E não me canso de falar e colocar o que leio 
sobre este assunto, nunca é demais,
exortações sobre a família.
Eis a primeira parte:
(Coloco uma postagem só por mês,
pelo fato de já ter muito para ler e quero
priorizar as cartas)

“Não é o poder que corrompe;
o poder apenas revela os corrompidos.
Jesus deu Sua vida para comprar com
Seu sangue aqueles que procedem de toda tribo,
raça, povo, língua e nação.
A graça de Deus floresce nos lugares
mais desfavoráveis.

 Precisamos brilhar como luzeiros no mundo.
O sucesso é mais perigoso que o fracasso.
Mais homens caem no topo da pirâmide
do que nos vales.
Mais homens naufragam na prosperidade
do que na adversidade..

Mais homens perdem a família
por causa da riqueza do que por causa da pobreza.
Nenhum sucesso compensa o fracasso no casamento.
Nenhum sucesso compensa o naufrágio da família.
Nenhum sucesso compensa relegar
os filhos à própria sorte.

Construir fortunas sobre os escombros
da família é uma loucura.
Amealhar riquezas deixando para trás os
filhos feridos é uma insanidade.
Granjear fortunas e perder os filhos é a
mais consumada tolice.

A família é uma dádiva de Deus.
O casamento é uma instituição divina.
Deus instituiu o casamento para a felicidade
do homem e da mulher.
Viver na solidão é uma triste realidade.

É claro que o casamento traz,
também, angústia na alma (1Co7).
O casamento é um grande mistério.
É a união não de dois iguais, mas de dois diferentes.

O sábio disse que havia coisas que o deixavam encantado,
mas o casamento era para ele incompreensível
(Pv 30:18-19).

A criação de filhos é sempre uma mistura
de alegrias e lágrimas,
de dias iluminados de celebração e
noites solitárias de gemidos.

A riqueza adquirida pelo expediente da opressão,
do suborno, da corrupção e da violência,
torna-se uma maldição consumada.
Construir impérios econômicos,
arrebatando o direito do inocente,
saqueando a casa do pobre,
oprimido o órfão e a viúva,
é lavrar para si mesmo uma sentença de morte,
é colocar laço para os próprios pés
e cavar a própria sepultura.

Deus é o reto juiz, e ele é o grande defensor
dos indefesos e inocentes.
Aqueles que maquinam o mal para arrebatar
os bens dos pobres e que maquinam de noites
projetos iníquos e logo ao amanhecer já os
colocam em prática porque têm o poder nas mãos,
mesmo acumulando bens e bens,
riquezas e mais riquezas,
não usufruirão no sentido pleno desses haveres.

Os filhos não são naturalmente unidos.
Para ter uma família unida,
é preciso pagar um alto preço.
Não é pelo fato de os irmãos terem os mesmo pais,
o mesmo sangue e o mesmo sobrenome
que eles são unidos.

A amizade entre os irmãos é um trabalho
árduo e perseverante dos pais.
Precisamos aprender a celebrar como família.
Precisamos cultivar a amizade na família.
Os irmãos precisam ser amigos,
amáveis e carinhosos uns com os outros.
Nada mais alegra o coração dos pais,
do que ver que seus filhos andam na verdade
e cultivam o amor.

A paternidade é uma das missões mais nobres
e também mais árduas.
Muitos homens conquistaram grandes vitórias
fora dos portões,
mas não lograram êxito dentro de casa.
Muitos homens conquistaram muitas medalhas
de honra ao mérito, mas não alcançaram
sucesso com seus filhos.

Nesse campo, não há colheita feliz
sem semeadura com lágrimas.
É importante lutarmos para oferecer aos
nossos filhos a melhor educação.
É saudável oferecer aos filhos o melhor desta vida.
Contudo, a coisa mais importante que podemos
dar para os nossos filhos é o conhecimento de Deus.
As conquistas dos nossos filhos serão troféus
de palha se eles não forem remidos pelo Senhor.
As vitórias dos nossos filhos terão um sabor amargo
se eles não forem servos do Altíssimo.
Eles podem receber todas as honras da terra,
mas, se eles não forem cidadãos dos céus,
nada disso aproveitará.

Nenhum sucesso compensa o fracasso
espiritual dos seus filhos.
O que adianta você ganhar o mundo
inteiro e perder sua família?
Os nossos filhos precisam ser mais
filhos de Deus do que nossos.
Quando dedicamos nossos filhos a Deus,
então os temos para sempre.
Devemos agir como águia.
Essa rainha dos ares tem um cuidado
especial com os filhotes:
Primeiro coloca o ninho deles no alto dos rochedos,
longe dos predadores.
Há muitos predadores que ameaçam as crianças,
os adolescentes e os jovens de hoje.

Há perigos nas escolas, nas ruas, nas amizades,
nos namoros, na internet.
Segundo, quando os filhotes já estão grandes,
aptos para voar, a águia voeja sobre o ninho para
dar-lhes exemplo e inspiração.

Os pais precisam ser modelo para os filhos.
Os pais não educam os filhos apenas com palavras,
mas, sobretudo, com exemplo.
Não criamos os nossos filhos para nós;
preparamo-los para a vida.

Terceiro, a águia com suas possantes garras,
arranca os filhotes do ninho e
os lança no espaço desde as alturas.
Por nunca terem voado, esses
filhotes caem vertiginosamente,
dando cambalhotas no ar.
A águia deixa os filhotes passarem
por essa assustadora experiência.
Contudo, antes de eles serem esmagados no chão,
ela estende sob eles suas potentes asas,
leva-os novamente para as alturas
e de lá os lança outra vez.

A águia faz isso várias vezes,
até que os filhos aprendem a voar sozinhos.
Duas coisas a águia faz com os filhotes:
disciplina e discípula.
Ela não poupa nem desiste deles.
Assim devemos agir como pais.
Os pais nunca podem desistir de seus filhos.
Mesmo quando seus filhos erram,
os pais precisam perdoá-los.

Nuca podemos desistir de investir em nossos filhos.
Nunca podemos deixar de ouvir nossos filhos.
Nunca podemos desistir dos nossos filhos.
A Bíblia nos ensina a não provocar os nossos filhos a ira,
mas criá-los na admoestação e na disciplina do Senhor.

A Bíblia nos exorta a não irritarmos os nossos filhos,
para que não fiquem desanimados.
A Bíblia nos diz que devemos guardar a Palavra
em nosso coração e inculcá-la na mente dos nossos filhos.

Foi essa a grande decisão de Josué,
ao ver que a geração que tinha
enterrado na terra prometida,
estava abandonando a Deus.
Ele foi incisivo:
“Eu e minha casa cultuaremos o Senhor” (Js 24:15)

Os pais precisam estar atentos
não apenas à aparência dos filhos,
mas, sobretudo, à vida íntima deles.
Não basta dar-lhes uma roupa de grife e colocá-los nas
melhores escolas se eles não temem a Deus no coração.

Muitos pais constroem
verdadeiros impérios econômicos,
mas perdem os filhos.
Deixam robusta herança para os filhos,
mas não os conduzem a Cristo
para receberem a herança imarcescível.
Tornam seus filhos famosos na terra,
mas não conhecidos no céu.
Fazem de seus filhos
verdadeiros monumentos do sucesso,
mas não fazem nenhum investimento
na vida espiritual deles.

Precisamos aprender a colocar no altar de Deus os
nossos filhos e suas causas.
Quando os pais se colocam de joelhos
diante de Deus em favor dos filhos,
Deus coloca os filhos de pé.
Muitos homens e mulheres levantados por Deus
para serem vasos de honra em suas mãos foram
resultado da oração dos seus pais.

O tudo sem Deus é nada.
O sucesso sem Deus é fracasso.
A maior necessidade dos filhos
não é de coisas é de Deus.
Não é de conforto, é de Deus.
Não é de bênçãos, é do abençoador.

Embora  seus filhos não estejam mais
debaixo do abrigo do seu teto,
mantenha-os debaixo do abrigo de suas orações.”
                                      (Hernandes Dias Lopes)

Espero querido (a) que estas palavras tenham falado
ao seu coração e que lhe ajude na difícil tarefa de cuidar
do bem mais precioso que o Senhor nos deu,
que são os nossos filhos.

Que Deus lhe abençoe e nos dê sabedoria
e acima de tudo amor na educação dos nossos filhos.
Mês quem vem colocarei, querendo Deus,
a segunda parte desta mensagem,
que são as teses do inimigo das nossas almas.

Graça e paz!
Com amor,
em Cristo.

Angela.

Um comentário:

  1. Graça, paz, amor e alegria do Senhor Jesus.

    Belo texto.
    Que Deus continue te abençoando.

    @PrMarioAlegria

    ResponderExcluir