"Ele está de braços abertos a lhe esperar, Ele está a lhe dizer, que o ama... Jesus te ama!!"

"Ele está de braços abertos a lhe esperar, Ele está a lhe dizer, que o ama...       Jesus te ama!!"

ATENÇÃO

OLÁ AMIGOS, MEU NOME É ANGELA, ESTE É UM TRABALHO INTERDENOMINACIONAL.
SOU EVANGELISTA E PROCURO CUMPRIR ESTA LINDA TAREFA DE LEVAR A PALAVRA DE DEUS ÀS PESSOAS, PARA HONRA E GLÓRIA DO NOME DO SENHOR JESUS.
ESTE BLOG SURGIU PELA SUGESTÃO DE UMA AMIGA, POIS, HAVIA ESCRITO UM LIVRO, E COMO NÃO TIVE A POSSIBILIDADE DE PUBLICÁ-LO, DEPOIS DE 5 ANOS GUARDADO, ELA ME SUGERIU EM 2010, COLOCÁ-LO EM UM BLOG.
FOI O QUE FIZ, O LIVRO É COMPOSTO DE CARTAS, AS QUAIS, IRÃO APARECER EMBAIXO NA TELA, POR SER UM BLOG E NÃO UM SITE.
PARA VISUALIZAR O LIVRO NA ÍNTEGRA, CLIQUE EM 2010.
ALÉM DAS CARTAS, POSTO O QUE EU ESCREVO OU DE OUTROS AUTORES, QUE LEIO E ACHO INTERESSANTE COMPARTILHAR.
QUE DEUS OS ABENÇOE MUITO!!!!!!!!
LEIA E COMPARTILHE!
GRAÇA E PAZ!
COM AMOR EM CRISTO JESUS,
ANGELA

Páginas

Arca de Noé... Arca da Aliança... JESUS ARCA DE AMOR!

Em Mt 24:12 está escrito: "E por se multiplicar a iniquidade, o amor se esfriará de quase todos". Se Deus é amor, e se o amor esfriar, o próprio Deus se esfriará nos corações. Que coisa terrível! Deus se esfriando em nossas vidas! Mas Ele disse de: "quase todos", ou seja haverá aqueles nos quais o amor, não se esfriará. Aleluia! Louvado seja Deus por isto. Então, este Blog, é uma tentativa de barrar este processo, não deixando que este amor se esfrie nunca. Pois, foi por amor que Ele morreu por mim e por ti. E nunca deixaremos de amá-Lo, nem aos Teus filhos. Amém

EXPLICAÇÃO DO TÍTULO

• No tempo do Antigo Testamento, o coração do homem se corrompeu de tal forma que Deus se arrependeu de tê-lo feito, pois este se tornou mau, olhando apenas o que os olhos podiam ver, esquecendo-se do que se passa no interior do ser humano, os sentimentos e virtudes.
E Deus achou em Noé um homem justo e o salvou e também a sua família ordenando-o a construir uma arca.

Chamada de
ARCA DE NOÉ.

• No tempo de Moisés, Deus ordenou que se fizesse uma caixa na qual estariam os Dez Mandamentos dentre outros itens, ela era de madeira de acácia revestida de ouro puro, ficava num lugar chamado Tabernáculo, dentro do Santo dos Santos e só os sacerdotes tinham acesso a ela, uma vez por ano, no Tabernáculo também se sacrificavam cordeiros, bodes, etc, pois, acreditavam que o sangue destes animais os purificava de pecados.

Esta arca se chamava, ARCA DA ALIANÇA.

• Mas, Aleluia! Deus enviou Seu Filho Unigênito para derramar Seu sangue para perdão dos pecados da humanidade inteira, “o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo”, e de uma vez por todas, levou sobre Ele nossos pecados, não havendo mais necessidade de sacrifício de animais, e ao morrer, o véu que separava o Santo dos Santos do Tabernáculo, foi rasgado de alto a baixo, ou seja, isto significa, que o lugar em que se tinha acesso a Deus, uma vez por ano, e só o sacerdote poderia entrar, com o sacrifício de Jesus, todos os seres humanos, podem ter esse acesso à presença Dele, 24 horas por dia, o ano inteiro, como era desde o início da criação, quando o homem tinha plena comunhão e acesso a Deus. Ou seja, Jesus nos resgatou de volta ao nosso Criador. Restaura o coração corrompido pelo pecado e afastado de Deus, nos levando de volta a presença do Pai.

Onde a Arca da Aliança estivesse, aquele lugar era abençoado, pois, ela simbolizava a presença de Deus.
Com a morte e ressurreição de Jesus, ali em Pentecostes, o Espírito Santo foi derramado, sobre as pessoas, nos tornando esse templo (lugar de morada de Deus), e portanto, somos abençoados onde formos, pois, o Espírito Santo de Deus habita em nós.
" Deus nos amou de tal maneira que deu Seu filho Unigênito para que todo aquele que Nele crer não pereça, mas, tenha vida eterna”. (Jo 3:16)
AMOU, foi por amor que Ele nos salvou, por isto, o título:
JESUS, ARCA DE AMOR!

****************************************************************
QUEM SOU EU
Meu nome é Angela, sou casada, tenho dois filhos, sou do estado de Minas Gerais, e, através de um chamado de Deus, trabalhei muitos anos, com pessoas com problemas diversos,
presidiários, etc.
Escrevendo cartas, com base evangelística para várias lugares do Brasil, hoje continuo escrevendo cartas específicas, para cada situação difícil do cotidiano das pessoas, dilemas com drogas, casamentos, depressão, enfermidades, perdas de entes queridos, etc.
Meu plano inicial, era publicar em um livro, as quase 300 páginas que eu havia escrito, mas, não foi possível, pelo alto custo.
Foi então, após estas cartas ficarem guardadas quase 5 anos, resolvi publica-las neste Blog.
O livro foi postado em 2010.
É só clicar lá.
Não recebo recursos financeiros por este trabalho, mas, creio que a recompensa vem do alto.
O que peço é a proteção para minha família, em especial meus filhos, marido...
São palavras, vindas do coração de Deus, pois, foi em lágrimas e lutas, que muitas delas escrevi.
Sou, apenas um instrumento nas mãos do Senhor, para levar a Palavra Dele.
Me formei em Administração (não exerço a profissão) e Teologia, além de estudar a Palavra de Deus, anos a fio, com lutas e provações.

Muitas coisas não coloco só como teoria, pois, várias senti na carne e no espírito, então foi experiência vivida, que Deus me permitiu passar, para ajudar quem estivesse passando pelos mesmos problemas.

O que procuro fazer, é ser fiel nas palavras que Deus coloca em meu coração, e faço o possível, para transmiti-las da forma mais coerente e eficaz possível.

Espero, que este Blog possa te ajudar a passar pelas lutas e dificuldades, possa também, levar a você a alegria e a paz que só Jesus pode dar e saber que por maior que seja a luta, você não está só, tem pessoas que (se você procurar uma igreja) te ajudarão em oração e o Senhor estará contigo para te livrar e te ajudar.

Deus lhe abençoe e saiba que você é muito amado por Deus.
Um grande abraço.
Com amor, em Cristo,
Angela.

Meu e-mail é: amserrap@yahoo.com.br
Dê sua sugestão, opinião, diga o que achou do Blog.
Para mim, é muito importante seu comentário.
Obrigada!







MENSAGENS DE EXORTAÇÃO

01 outubro, 2015

CASAMENTO, GRANDE É ESTE MISTÉRIO (LIVRO)

Olá amados amigos e irmãos em Cristo!
Graça e paz!
Recebi a visita de uma amiga,
que me presenteou com um livro
do Pr. Jerônimo Onofre da Silveira,
de Belo Horizonte, cujo título é:
“Casamento, Grande é este Mistério”.
Ele fala palavras de exortação para o casamento.

Todos, nós casados e até os solteiros,
sabemos que manter um casamento, não é fácil,
cada um com sua personalidade,
problemas de vários aspectos que vão surgindo
ao longo da caminhada
e vamos superando com a graça de Deus,
pois, sem Ele é impossível, mas,
creio que com amor, tudo se resolve.

Eu mesma, este ano fiz 22 anos de casada, alguns anos foram a
“trancos e barrancos”, como se diz, mas,
vale a pena lutarmos pelo casamento,
ainda que exija de nós resignação, renúncias, perdão,
perseverança... acima de tudo, com o auxílio do Senhor,
tudo acabará bem.

Colocarei, abaixo, como de costume,
alguns trechos do livro do Pr. Jerônimo:

“Não desista do seu casamento!
Digno de honra entre todos, seja o matrimônio
(Hb 13:4)
O casamento é o maior mistério 
na vida de um homem e de uma mulher.
O casal passa toda a vida tentando descobrir o que fazer,
como agir, qual o caminho a seguir para que o casamento
possa atingir um nível de relacionamento aceitável, correto.
Mas, com o passar do tempo, o casal percebe que,
quanto mais passam os dias e os anos,
mais difícil fica o relacionamento entre eles.

Muitos maridos e esposas estão,
como aqueles lutadores de Box nocauteados,
sem forças para reagir, a ponto de jogarem a “toalha”,
pois não sabem  mais o que fazer.
O resultado desta frustração é imediato:
tristeza profunda, mau humor, revolta e decepção. 
É difícil para o marido ou a esposa admitirem:
“não combino com a pessoa que mais amo”.
Nenhum casamento está isento de crises.

Salomão, considerado o homem mais sábio do mundo,
fez uma declaração assustadora em Pv30:18-19:
“Há três coisas que são maravilhosas demais para
mim, sim, a quarta eu não entendo:
O caminho da águia no céu,
O caminho da cobra na penha,
O caminho do navio no meio do mar,
E o caminho do homem com uma mulher.”
Nem Salomão descobriu a solução!
1 – Conheço o caminho da águia no céu;
2 – Conheço o caminho da cobra na penha;
3 – Conheço o caminho do navio no meio do mar;
4 – Não conheço o caminho do homem com uma mulher;

... Não conheço o caminho do homem com uma mulher”.
Deus revelou ao apóstolo Paulo,
“um homem solteiro”, o mistério do casamento,
quando disse:
“Grande é este mistério, mas eu me refiro a Cristo e a Igreja”.
A insaciabilidade sentimental do homem e da mulher
só é curada após encontrarem seu cônjuge.

Quando o apóstolo Paulo, na carta aos Efésios,
termina de dar conselhos sobre o casamento,
ele diz: GRANDE É ESTE MISTÉRIO.
Ele desvenda este mistério quando diz:
 “... eu me refiro a Cristo e à Igreja”. (Ef 5:32)
É o relacionamento entre Cristo e a Igreja que
está a revelação do Mistério do Casamento.

Os três Mistérios do Relacionamento entre Cristo e a Igreja:
Primeiro Mistério: Graça: Favor não merecido
Segundo Mistério: Amor sacrificial
Terceiro Mistério: Submissão Incondicional

O casamento só terá sucesso se estiver alicerçado na
mesma visão do relacionamento
entre CRISTO e a IGREJA.
E, também, na mesma visão do relacionamento
entre a IGREJA  e CRISTO.

GRAÇA
Favor não merecido.
Poder para suportar fraquezas.
As fraquezas do marido e da esposa se tornam,
com o decorrer dos anos, espinho na carne um do outro.
Por causa das fraquezas do marido e da esposa,
o relacionamento conjugal se torna insuportável.
Pois, o marido não está preparado para conviver
com as fraquezas da esposa.
E ela, por sua vez, não está preparada para conviver
com as fraquezas do marido.

Graça é o poder que capacita o homem
a suportar fraquezas!
GRAÇA:
- Não exige perfeição;
- Nos ensina a lhe dar com imperfeição;
- Nos dá força para suportar fraquezas;
- Nos faz caminhar a segunda milha;
- Nos faz ser misericordiosos;
- Aperfeiçoa e sustenta os relacionamentos;
- Faz os relacionamentos se tornarem eternos;
- Produz amor capaz de cobrir transgressões;
- Produz longanimidade;
- Produz compreensão;
- Produz segunda chance;
- Produz perdão;
- Poder que une pessoas mediante imperfeição.
Porque, se pela ofensa de um morreram muitos,
muito mais pela graça de Deus, e o dom pela
graça de um só homem, Jesus Cristo,
abundou para com muitos.” (Rm 5:15)

Conselho definitivo
O conselho definitivo para qualquer marido ou esposa é:
mesmo que você tenha razões de sobra para separar-se,
não desista do seu casamento.

A GRAÇA, nos capacita a suportar fraquezas,
superar situações, vencer obstáculos,
dar novas chances, quantas vezes forem necessárias.
A graça é o alicerce do relacionamento do casal.
O marido não merece, mas a esposa está firme no propósito
de ficarem juntos;
a esposa não merece, mas o marido está firme
no propósito de manter o casamento até
que a morte os separe.

Assim, como Cristo não desiste da Igreja,
não desista do seu casamento!

Todas as vezes que o casal não estiver
suportando suas fraquezas, lembre-se,
da mesma maneira que Jesus não desiste de você,
apesar das suas fraquezas e imperfeições,
assim também, você também não deve desistir
do seu cônjuge, apesar de suas
fraquezas e imperfeições.

AMOR SACRIFICIAL
Vós, maridos, amei a vossas mulheres,
como também Cristo amou a Igreja e a si
mesmo se entregou por ela,
para que a santificasse, tendo-a purificado
por meio da lavagem de água pela palavra...
...Assim também, os maridos devem amar as
suas mulheres como a seus próprios corpos.
Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo.
Porque ninguém jamais odiou a sua própria carne...”
...Eis porque deixará o homem seu pai e sua mãe,
e si unirá a sua mulher; e se tornarão uma só carne.
Grande é este mistério, mas eu me refiro
a Cristo e à Igreja.
Não obstante vós, cada um assim, ame a sua
própria esposa como a si mesmo,
e a esposa respeite a seu marido”. (Ef 5:25-33)

O que é amor sacrificial?
Este é o grande mistério:
Como entendê-lo? Como praticá-lo?
Que poder é este que transforme assassinos
em homens puros;
mulheres até então prostitutas em
mulheres santas;
corruptos e ladrões em homens
honestos e cheios de dignidades?
O amor sacrificial é:
- É o exercício da paciência;
- É a prática da bondade;
- Libera do ciúme doentio;
- Libera da prepotência;
- Libera de atitudes inconvenientes;
- libera do egoísmo, deixar de ser amantes de si mesmos,
ou seja, preocupar-se com seus próprios interesses;
- libera de atitudes ásperas, não deixa o marido
maltratar a esposa, ser violento, nervoso, estopim curto;
- Não deixa gerar mágoa;
- Não permite que se alegre com o sofrimento do outro;
- Não permite se alegrar em praticar a injustiça.

Os frutos do espírito na visão do casamento:
- Amoroso, alegre, pacificador, longânimo, benigno,
bom, fiel, manso, controlado.

Obras da carne na vida do marido:
- Ira, facções (discórdia), dissenções (desavença),
partidos (contra a esposa), invejas (cobiçar o que é da esposa),
bebedices (vícios da embriagues), orgias (farras),
prostituições, impurezas, lascívias (sensual), idolatria,
feitiçarias, inimizades, contendas (disputas), ciúmes.

Porque a nossa luta não é contra carne e sangue,
é contra os principados e postestades, contra os
dominadores deste mundo tenebroso,
contra as forças espirituais do mal.” (Ef. 6:12)

Oito atitudes que  a esposa mais espera do seu marido:
- Ser amoroso
- Ser ouvida
- Bondade
- Fidelidade
- Proteção
- Cobertura espiritual
- Valorizada
- Intimidade sexual
Se vocês fizerem qualquer coisa que não condiz
com a prática do Amor Sacrificial,
peçam perdão e comecem tudo de novo, pois,
cada dia é um novo dia.”
A esposa incrédula é santificada no
convívio como marido crente” (1Co7:14)

Submissão Incondicional
Porque o marido incrédulo é santificado no
convívio com a esposa” (1Co7:14a)
“Mulheres sejam submissas aos vossos próprios maridos,
como ao Senhor; porque o marido é o cabeça da mulher,
como também Cristo é o cabeça da Igreja,
sendo este o mesmo Salvador do corpo.
Como, porém, a Igreja está sujeita a Cristo,
assim também as mulheres sejam em tudo,
submissas a seus maridos.” (Ef.5:22-24)

A comunhão do marido com Deus está totalmente
ligada à comunhão do marido com a esposa.

“...para que não sejam impedidas as vossas orações
(1Pe3:7)
Semelhantemente vós, mulheres, sede submissas
a vossos maridos; para que também, se alguns deles não
obedecem à palavra, sejam ganhos sem palavra pelo
procedimento de suas mulheres,
considerando a vossa vida casta.
O vosso adorno não seja o enfeite exterior...
mas seja do íntimo do coração,
no incorruptível traje de um espírito manso e tranquilo,
que és, para que permaneçam as coisas.
Porque assim se adornavam antigamente também
as santas mulheres que esperavam em Deus,
e estavam submissas a seus maridos...
...Igualmente vós, maridos,
vivei com elas com entendimento,
dando honra à sua mulher, como vaso mais frágil,
e como sendo elas herdeiras convosco da graça da vida,
para que não sejam impedidas as vossas orações” (1 Pe 3:1-7)

Mulher virtuosa, quem a achará?
Pois o seu valor muito excede ao de finas joias.
O coração do seu marido confia nela,
e não haverá falta de lucro.
Ela lhe faz bem e não mal,
todos os dias da sua vida...” (Pv 31:10-1

Não saia da cruz
Jesus foi desafiado a sair da cruz mediante provocações.
Salvou os outros, a si mesmo não pode salvar-se” (Mt 27:42)
Jesus não aceitou provocações e permaneceu na cruz.
Ele não desceu da cruz para brigar com os homens.
Quem está na cruz não briga, não discute,
não compete com o inimigo, não faz o jogo das provocações,
não peca em cima do pecado do outro.

Em certos momentos do casamento, o marido 
ou a esposa deve ir para a cruz e não sair de lá.
Não deve aceitar o jogo das provocações.
Seja forte, não saia da cruz na hora dos atritos.
Se um dos cônjuges estiver provocando,
desrespeitando, desonrando o outro, este, vá para a cruz,
e não saia de lá, pois, assim a briga será evitada.

Não faça o jogo do diabo.
O inimigo quer que você saia da cruz e desça ao
mesmo nível de baixaria.
Lembrem-se sempre:
Jesus venceu as provocações permanecendo na cruz.

Evite disciplinar, corrigir, chamar atenção
na “flor”do problema.
Espere.
Acalme os ânimos.
Controle-se emocionalmente.
Deixe a ira passar.
Acredite, o Espírito Santo vai te orientar quanto
ao momento certo.

Quando o marido pratica o Amor Sacrificial
e a esposa a Submissão,
os dois criam resistência espiritual contra o diabo e assim,
eles não dão mais brecha para o inimigo atuar.
“...mas resisti ao diabo, e ele fugirá de vós” (Tg 4:7)

O cordão de três dobras não se arrebenta com facilidade”. (Ec 4:12)
Casamento é cordão de três dobras.
Casamento não é a união de duas pessoas e sim de três pessoas:
O marido + a esposa + Jesus.
Os três juntos formam o cordão de três dobras que não se arrebenta.
O que fazer quando o marido “quebrar a ficha”
e não pratica o Amor Sacrificial?
O que fazer quando a esposa “quebra a ficha”,
não praticando a Submissão ?
Peça perdão – reconheça que errou.

Cada dia é um novo dia!
Reconheça seu erro diante de sua esposa
ou diante do seu marido, renove o voto em seu
coração e comece tudo de novo.

O marido carnal e a esposa carnal têm que morrer.
Quando isto acontece,
nasce o marido espiritual e a esposa espiritual.

Mas o Consolador, o Espírito Santo,
que o Pai enviará em meu nome, vos ensinará todas as coisas,
e vos fará lembrar de tudo que vos tenho dito.”(João 14:26)

Quem convence a esposa a praticar a Submissão
no viver diário não é o marido, e sim, o Espírito Santo.”
                             
                             Pr. Jerônimo Onofre da Silveira

Sabemos que não é fácil,
colocarmos em prática estes ensinamentos,
principalmente para nós mulheres,
que em determinados dias no mês temos a
chamada TPM,
que leva certo hormônio a zero e isto causa
um transtorno biológico, que leva muitas mulheres
a ficarem irritadiças, choronas, carentes de atenção,
e muitos homens infelizmente, não entendem esta fase,
causando brigas terríveis.

Se todos os homens entendessem este lado da mulher,
muitos conflitos poderiam ser evitados.
Mas, com o auxílio do Espírito Santo tudo acabará bem,
pois, só Ele, pode nos ajudar, nos convencendo do pecado,
da justiça e do juízo.

Que Deus abençoe nosso lar,  casamento, filhos, projetos,
enfim, nos guarde em todas as áreas das nossas vidas.
Com carinho e amor, em Cristo.
Angela.