"Ele está de braços abertos a lhe esperar, Ele está a lhe dizer, que o ama... Jesus te ama!!"

"Ele está de braços abertos a lhe esperar, Ele está a lhe dizer, que o ama...       Jesus te ama!!"

ATENÇÃO

OLÁ AMIGOS, MEU NOME É ANGELA, ESTE É UM TRABALHO INTERDENOMINACIONAL.
SOU EVANGELISTA E PROCURO CUMPRIR ESTA LINDA TAREFA DE LEVAR A PALAVRA DE DEUS ÀS PESSOAS, PARA HONRA E GLÓRIA DO NOME DO SENHOR JESUS.
ESTE BLOG SURGIU PELA SUGESTÃO DE UMA AMIGA, POIS, HAVIA ESCRITO UM LIVRO, E COMO NÃO TIVE A POSSIBILIDADE DE PUBLICÁ-LO, DEPOIS DE 5 ANOS GUARDADO, ELA ME SUGERIU EM 2010, COLOCÁ-LO EM UM BLOG.
FOI O QUE FIZ, O LIVRO É COMPOSTO DE CARTAS, AS QUAIS, IRÃO APARECER EMBAIXO NA TELA, POR SER UM BLOG E NÃO UM SITE.
PARA VISUALIZAR O LIVRO NA ÍNTEGRA, CLIQUE EM 2010.
ALÉM DAS CARTAS, POSTO O QUE EU ESCREVO OU DE OUTROS AUTORES, QUE LEIO E ACHO INTERESSANTE COMPARTILHAR.
QUE DEUS OS ABENÇOE MUITO!!!!!!!!
LEIA E COMPARTILHE!
GRAÇA E PAZ!
COM AMOR EM CRISTO JESUS,
ANGELA

Páginas

Arca de Noé... Arca da Aliança... JESUS ARCA DE AMOR!

Em Mt 24:12 está escrito: "E por se multiplicar a iniquidade, o amor se esfriará de quase todos". Se Deus é amor, e se o amor esfriar, o próprio Deus se esfriará nos corações. Que coisa terrível! Deus se esfriando em nossas vidas! Mas Ele disse de: "quase todos", ou seja haverá aqueles nos quais o amor, não se esfriará. Aleluia! Louvado seja Deus por isto. Então, este Blog, é uma tentativa de barrar este processo, não deixando que este amor se esfrie nunca. Pois, foi por amor que Ele morreu por mim e por ti. E nunca deixaremos de amá-Lo, nem aos Teus filhos. Amém

EXPLICAÇÃO DO TÍTULO

• No tempo do Antigo Testamento, o coração do homem se corrompeu de tal forma que Deus se arrependeu de tê-lo feito, pois este se tornou mau, olhando apenas o que os olhos podiam ver, esquecendo-se do que se passa no interior do ser humano, os sentimentos e virtudes.
E Deus achou em Noé um homem justo e o salvou e também a sua família ordenando-o a construir uma arca.

Chamada de
ARCA DE NOÉ.

• No tempo de Moisés, Deus ordenou que se fizesse uma caixa na qual estariam os Dez Mandamentos dentre outros itens, ela era de madeira de acácia revestida de ouro puro, ficava num lugar chamado Tabernáculo, dentro do Santo dos Santos e só os sacerdotes tinham acesso a ela, uma vez por ano, no Tabernáculo também se sacrificavam cordeiros, bodes, etc, pois, acreditavam que o sangue destes animais os purificava de pecados.

Esta arca se chamava, ARCA DA ALIANÇA.

• Mas, Aleluia! Deus enviou Seu Filho Unigênito para derramar Seu sangue para perdão dos pecados da humanidade inteira, “o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo”, e de uma vez por todas, levou sobre Ele nossos pecados, não havendo mais necessidade de sacrifício de animais, e ao morrer, o véu que separava o Santo dos Santos do Tabernáculo, foi rasgado de alto a baixo, ou seja, isto significa, que o lugar em que se tinha acesso a Deus, uma vez por ano, e só o sacerdote poderia entrar, com o sacrifício de Jesus, todos os seres humanos, podem ter esse acesso à presença Dele, 24 horas por dia, o ano inteiro, como era desde o início da criação, quando o homem tinha plena comunhão e acesso a Deus. Ou seja, Jesus nos resgatou de volta ao nosso Criador. Restaura o coração corrompido pelo pecado e afastado de Deus, nos levando de volta a presença do Pai.

Onde a Arca da Aliança estivesse, aquele lugar era abençoado, pois, ela simbolizava a presença de Deus.
Com a morte e ressurreição de Jesus, ali em Pentecostes, o Espírito Santo foi derramado, sobre as pessoas, nos tornando esse templo (lugar de morada de Deus), e portanto, somos abençoados onde formos, pois, o Espírito Santo de Deus habita em nós.
" Deus nos amou de tal maneira que deu Seu filho Unigênito para que todo aquele que Nele crer não pereça, mas, tenha vida eterna”. (Jo 3:16)
AMOU, foi por amor que Ele nos salvou, por isto, o título:
JESUS, ARCA DE AMOR!

****************************************************************
QUEM SOU EU
Meu nome é Angela, sou casada, tenho dois filhos, sou do estado de Minas Gerais, e, através de um chamado de Deus, trabalhei muitos anos, com pessoas com problemas diversos,
presidiários, etc.
Escrevendo cartas, com base evangelística para várias lugares do Brasil, hoje continuo escrevendo cartas específicas, para cada situação difícil do cotidiano das pessoas, dilemas com drogas, casamentos, depressão, enfermidades, perdas de entes queridos, etc.
Meu plano inicial, era publicar em um livro, as quase 300 páginas que eu havia escrito, mas, não foi possível, pelo alto custo.
Foi então, após estas cartas ficarem guardadas quase 5 anos, resolvi publica-las neste Blog.
O livro foi postado em 2010.
É só clicar lá.
Não recebo recursos financeiros por este trabalho, mas, creio que a recompensa vem do alto.
O que peço é a proteção para minha família, em especial meus filhos, marido...
São palavras, vindas do coração de Deus, pois, foi em lágrimas e lutas, que muitas delas escrevi.
Sou, apenas um instrumento nas mãos do Senhor, para levar a Palavra Dele.
Me formei em Administração (não exerço a profissão) e Teologia, além de estudar a Palavra de Deus, anos a fio, com lutas e provações.

Muitas coisas não coloco só como teoria, pois, várias senti na carne e no espírito, então foi experiência vivida, que Deus me permitiu passar, para ajudar quem estivesse passando pelos mesmos problemas.

O que procuro fazer, é ser fiel nas palavras que Deus coloca em meu coração, e faço o possível, para transmiti-las da forma mais coerente e eficaz possível.

Espero, que este Blog possa te ajudar a passar pelas lutas e dificuldades, possa também, levar a você a alegria e a paz que só Jesus pode dar e saber que por maior que seja a luta, você não está só, tem pessoas que (se você procurar uma igreja) te ajudarão em oração e o Senhor estará contigo para te livrar e te ajudar.

Deus lhe abençoe e saiba que você é muito amado por Deus.
Um grande abraço.
Com amor, em Cristo,
Angela.

Meu e-mail é: amserrap@yahoo.com.br
Dê sua sugestão, opinião, diga o que achou do Blog.
Para mim, é muito importante seu comentário.
Obrigada!







MENSAGENS DE EXORTAÇÃO

09 maio, 2014

TRECHOS DO LIVRO CASAMENTO BLINDADO

Amados irmãos e amigos,
Graça epaz!
No livro “Casamento Blindado”,
escrito pelo casal Cristiane e Renato Cardoso,
encontrei  alguns trechos, que acho
importante para nossa meditação,
principalmente para os casais
e para os solteiros que um dia irão se casar.
Então, abaixo, estão alguns destes trechos. 
Deus os abençoe na leitura.
Angela.

“Em Gênesis 3 Deus diz,
especificamente ao homem, não à mulher:
 “... em fadigas terás da terra o seu 
sustento durante os dias da sua vida...
No suor do seu rosto comerás o teu pão,
até que tornes à terra, pois, 
dela fostes formado;
 porque tu és pó e ao pó  tornarás.”

E neste mesmo capítulo,
no versículo de 16B Deus diz à mulher:
“...o teu desejo será para o teu 
marido e ele te governará.”

É interessante que, como resultado o homem
e mulher foram sujeitados aos elementos
de onde saíram, de onde foram criados;
o homem ficou sujeito a terra
e a mulher, ao homem.
Vamos entender o impacto disto no casamento:
O homem foi designado o provedor da família.
Quer dizer, não há como fugir.
Ele tem que trabalhar, e trabalhar
para tirar o sustento.
A pressão de sustentar a família , ser o caçador,
de não deixar a família passar necessidade,
faz o homem cobrar de si mesmo
o resultado de seu trabalho.
É uma questão de honra, de orgulho próprio.

O fato conhecido é que muitos homens quando
se aposentam caem em depressão;
alguns adoecem e até morrem pouco depois.
É como se o trabalho fosse a vida deles.
Muitos nem querem se aposentar e continuam
trabalhando enquanto a saúde os permite.
E como isso afeta o relacionamento?
Você já deve ter adivinhado.
O tempo que o homem passa no trabalho não
é uma das questões clássicas
pelas quais a mulher reclama dele?

Ele se enfia no trabalho e deixa a esposa quase
morrendo de falta de atenção em casa.
Desta forma, faz com que o homem seja escravo
do sentimento de realização e nesta busca vai
sacrificando a família, a esposa, a saúde e
outras coisas tão mais importantes.

Peça para o marido conversar com a esposa sobre
a família e o relacionamento, ele não tem assunto.
Peça para ele conversar com seus
amigos sobre o trabalho,ele não vai parar.
A mulher sem entender o comportamento dele,
acha que ele não a ama porque não
passa tempo com ela,
não conversa, e parece ter mais prazer no trabalho e
nos amigos do que nela e nas coisas relacionadas a ela.

Em relação a mulher Deus determinou:
seu desejo será para teu marido, e ele te governará”.
Quer dizer, ela sempre desejando algo do seu marido,
e ele será seu líder .
Assim como o homem ficou escravo do trabalho,
sujeito à terra, a mulher ficou dependente da aprovação
do marido e de ter nele a pessoa que
cumprirá seus desejos e sonhos.

A mulher tem sempre o desejo de ter a
atenção total dos olhos do marido.
Ela quer ser a princesa, a escolhida,
a mulher acima de todas as mulheres;
aquela por quem ele arrisca a vida,
e deixa as coisas, as pessoas e as
coisas que mais gosta,
para estar ao lado.
Porém, ela raramente consegue
essa atenção por muito tempo,
pois, ele está sempre olhando para o trabalho,
a próxima conquista,
e ainda fica ressentido com ela
quando lhe cobra atenção.
Ele a vê como uma interferência em seus objetivos.
Chateia-se porque ela não
“entende”que ele tem que trabalhar,
e acha que ela não o aprecia por ser
um homem tão trabalhador e dedicado.

Na busca pela atenção do homem,
a mulher inconscientemente
se desvaloriza, pois começa a fazer tudo o que pode
para que os olhos dele se voltem para ela.
Investe nas roupas atraentes e sensuais,
na beleza física, na estética, nos cabelos...
mas isso é só o começo.
Também chora, faz drama, se faz de vítima ou coitada,
cria situações de ciúmes, fica cobrando do marido,
faz chantagem emocional,
deixa de fazer as coisas em casa,
compete com a sogra, com o cachorro...

Essa busca desesperada é o que está por trás de
muitas mulheres consideradas
superinteligentes na profissão,
mas que acabam se sujeitando a homens cafajestes
em troca de um pouquinho de sua atenção.
As duas questões do homem e da mulher são na verdade
uma e a mesma: a insegurança.
O medo do fracasso,
da pobreza e o sentimento de insuficiência
faz com que o homem se mate de trabalhar.
A insegurança da mulher, por ela ser emocionalmente
mais aberta que o homem, é mais fácil de perceber.
Conheço mulheres lindas que se acham feias apenas por
uma parte do corpo não ser
de acordo com os padrões de beleza.
Outras têm ciúmes de tudo que diz respeito ao marido:
do trabalho, do futebol, da cunhada, da ex-namorada,
de tudo aquilo que o marido põe atenção e até naquilo em
que não põe – por causa da insegurança.

Resumindo: são dois inseguros desesperadamente carentes
da segurança e afirmação um do outro.

Primeira coisa que homem e mulher devem entender,
é que não vão mudar um ao outro.
O homem sempre será movido pelas conquistas do trabalho
e a mulher sempre será movida pelo
desejo de ter toda a atenção dele.
Não adianta se rebelar contra os fatos,
os que se rebelam caem para o extremo oposto,
que não é nada melhor.

O homem desiste de ser um conquistador,
se torna um fraco, uma vergonha para
si mesmo e para a família;
a mulher que se rebela contra o homem,
se torna amarga, endurecida,
inalcançável  para qualquer homem
e, portanto, solitária.

Agora a boa notícia:
há formas eficazes de lidar com esta situação.
Consiste em duas partes:
uma que você pode fazer e outra que só Deus pode.
Vamos ao que o homem pode
fazer e como a mulher pode ajudá-lo.

Estratégia para o homem: 
Por toda a Bíblia,
Deus dá ao homem a dica do sucesso,
que se resume nestas palavras:
Trabalhe em parceria Comigo”.
“Se Deus não edificar a casa,  
não adianta nada trabalhar para construí-la.
 Se o Eterno não proteger a cidade não adianta
 nada os guardas ficarem vigiando...”
(Sl.127:1-2)

Deus deixa explícito que o homem tem
que trabalhar em parceria com Ele.
Seu sucesso depende do seu
relacionamento com o Criador.
No trabalho, não deve confiar
apenas nas próprias habilidades,
mas depender de Deus.
Quando o homem trabalha em parceria com Deus,
fica tranquilo a respeito do resultado.
Afinal tem um sócio que trabalha até enquanto ele dorme!
O homem não é mais escravo do trabalho, pois,
entende que seu sócio (Deus)
é o mais interessado que ele cresça.

O recado que a esposa deve passar para o marido é:
“Sozinho você consegue o possível.
Com Deus você consegue o impossível.”

O homem, especialmente o casado,
tem que lembrar que deve atender a outras coisas
importantes na vida, como a esposa, por exemplo.
Por isso é equilibrado.
Deus não mandou o homem trabalhar,
mas precisou mandá-lo descansar...
O homem deve aceitar essa ajuda da mulher,
pois ela é um recurso que
Deus usa para ajudá-lo a ter equilíbrio.
Homem, se a sua mulher
está reclamando que você não
passa tempo com ela nem com os filhos,
que você está trabalhando demais, etc.
provavelmente está certa.
Ouça-a. Seja equilibrado.

A estratégia para a mulher:  
A esposa espera que o marido
a faça feliz e realizada
em todos os departamentos,
e de todas as formas.
Nenhum homem é capaz de
satisfazer todas as necessidades
e expectativas de uma mulher
e nem uma mulher as do homem.
Nossa vida é completada por
uma combinação de coisas
e não só por uma pessoa.
E, mesmo assim, por mais
completa que seja a vida de alguém,
ela terá seus problemas.

Mulher: não fique cobrando do seu marido
o que ele não pode dar.
Seu marido não é responsável por lhe fazer feliz,
assim como você não é responsável por lhe fazer feliz.
 Aliás, se você ainda é solteiro e se julga infeliz,
primeiro você tem que resolver suas infelicidades 
e se tornar uma pessoa feliz,
e aí sim se casar para compartilhar sua felicidade
com outra pessoa.

E esta felicidade no casamento
vem de um conjunto de coisas.
Mas, há coisas que ele não pode fazer por você.
Não posso dar a minha esposa, por exemplo,
o que Deus dá a ela.
Eu não sou Deus. Deus dá a ela
coisas que não posso imaginar
que ela precisa em dado momento, como consolo,
sabedoria e paz.
Não posso lhe dar um conselho de mãe.
Não posso fazê-la se sentir útil e valorizada além do
que eu reconheço e falo para ela.
A mulher tem que entender que esperar que todos
os seus desejos cumpridos
e satisfeitos pelo homem é impossível.

Você mulher tem que buscar o preenchimento
também em outras coisas como no
seu relacionamento com Deus,
no trabalho, no seu valor.
Isso lhe fará deixar de sufocar seu marido,
e lhe tornará uma pessoa mais interessante
e atraente para ele.
Tire o foco excessivo de cima do seu marido.
Não seja como um polvo, agarrando-se
a ele com todos os tentáculos.
Não seja sufocante
(uma das reclamações mais comuns dos maridos).
Quando a mulher faz muito fácil, chatinha,
recebe o contrário do que busca: o desprezo dele.

Não fique mendigando a atenção.
A mulher sábia faz o homem trabalhar
para conquistá-la.
O homem voltar a dominar a terra,
em vez de ser escravo dela,
e a mulher voltar a posição de auxiliadora
e companheira de equipe do homem.
Que se faz auxiliadora dela,
ajudando-o a alcançar seus objetivos,
ela se torna preciosíssima para ele.
E é exatamente aí que competir com o marido
em vez de entrar par o time dele;
quer fazer o foco principal de sua vida algo que
não ajuda o marido em nada.

Aí não dá. Quando mulher não
ajuda e ainda dá trabalho,
se torna indesejável para ele.
O problema da mulher é as
vezes não acreditar nelas mesmas.
Sempre nos autodestruímos
com palavras e pensamentos.
Se você mulher não aprender a se valorizar,
não adianta os esforços externos.  
Se a mulher soubesse de seu potencial,
não se desvalorizaria tanto como nos dias atuais...

Como o marido pode ajudar a mulher:
Ele tem que passar segurança para
ela de todas as formas possíveis.
Por exemplo: não dar bola para outras mulheres,
exaltar suas qualidades, notar e comentar sua beleza,
buscar valorizar sua opinião, investir em seus talentos,
ajudá-la a desenvolver seu potencial, enfim,
tudo o que puder levantar a autoestima dela.

Ele não pode esperar que ela se
resolva por si sem a ajuda dele.
Deixar a esposa sozinha com seus
problemas e lutas não é inteligente.
Às vezes a mulher vai buscar ajuda
em terceiros porque o marido
não a ajuda
(e aí ele fica ressentido com ela, mas a negligência foi dele).
O apoio e o reconhecimento genuíno do marido são muito
mais valiosos de que os de qualquer outra pessoa.
Mas se ela vê que ele é tão prestativo com os outros,
mas não com ela, a insegurança só aumenta.
O marido precisa entender que investir
na mulher é ganho para si mesmo.

Há um versículo interessante em Provérbios:
Não havendo bois, o celeiro fica limpo,
 mas pela força do boi 
há abundância de colheitas”.
Quer dizer: se você não tiver bois,
não terá cocô de boi para limpar.
Mas também não terá colheita.
Se quiser ter muita colheita,
tem que limpar o cocô dos bois...
é uma maneira de entender o casamento.
Dá trabalho, às vezes cheira mal,
tem que limpar a sujeira,
mas o resultado final é muito bom.
Casamento feliz dá trabalho.”
                    (Cristiane e Renato Cardoso)

É, realmente, casamento feliz dá trabalho, mas,
vale apena lutar, vale renunciar, vale amar...
por Deus que os uniu, por vocês dois, pelos filhos...
Quero colocar mais uns
trechos do livro “Casamento Blindado”,
posteriormente, vale a pena ler também.
Deus os abençoe!
E lute pelo que Deus lhe deu,
lute por sua família, seu casamento.

Com amor,
em Cristo,
Angela.




Nenhum comentário:

Postar um comentário